Dentro do fabuloso mundo das aves existem centenas de espécies, mas nem todas elas podem ser mantidas em casa.

Entretanto, um dos mais amados pelos amantes do cuidado das aves é o papagaio, um animal de estimação perfeito.

O que é um papagaio? 🐦

Anteriormente todos os tipos de papagaios eram agrupados em uma única família, conhecida como Psittacidae, mas devido às enormes variantes que surgiram ao longo dos anos e subfamílias, gradualmente o nome psittacoidea acabou sendo deixado para o papagaio comum.

Estes estão espalhados pelos diferentes continentes, cada um com uma característica que os torna únicos.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Como regra geral, os papagaios medem entre 30 e 40 centímetros, o bico de papagaio e curvo com uma mandíbula inferior com alguma mobilidade e uma grande capacidade craniana, o que o torna uma das aves mais inteligentes juntamente com os pombinhos.

Eles são muito bons voadores e podem agarrar-se aos galhos das árvores e escalá-los com grande destreza graças às garras em suas pernas.

A coloração intensa da pluma é outra das características do papagaio. Como regra geral, a cor predominante é geralmente o verde, mas algumas espécies têm outros tons, como o azul, ou os belo papagaio vermelho ou amarelo.

A maioria das espécies são monógamas, caminhando em cavidades de árvores ou em túneis cavados.

Algumas espécies podem imitar uma ampla gama de sons, incluindo a voz humana, o que lhes rendeu uma grande reputação entre os amantes das aves.

Tipos de papagaios

🐦 A continuación detallaremos algunos nomes para papagaio más importantes:

  • Papagaio verdadeiro o papagaio boiadeiro (Amazona aestiva)
  • O papagaio do mangue (Amazona amazonica)
  • Papagaio de cara roxa (Amazona brasiliensis)
  • O papagaio ecletus (Eclectus roratus)
  • Papagaio do mar (Atlantic puffin)
  • O papagaio do congo
  • Papagaio branco o cacatua (Cacatuidae)
  • Papagaio azul (Anodorhynchus hyacinthinus)
  • O papagaio charão (Amazona pretrei)
  • Papagaio cinza, Papagaio Africano Cinzento, Papagaio Cinzento de cauda vermelha ou Yaco
  • O papagaio australiano (Alisterus scapularis)

Quantos anos vive um papagaio?

Em comparação com outras aves que vivem em cativeiro, a verdade é que os papagaios são animais que por acaso têm uma vida bastante longa. Embora a expectativa de vida dependa da espécie de papagaio que é.

Por exemplo, um papagaio arara pode atingir 100 anos de vida se tiver os cuidados necessários, embora sua expectativa de vida média seja geralmente de 80 anos.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Pero, quanto tempo vive um papagaio?

Se for uma cacatua, geralmente vive entre 60 e 20 anos, enquanto os papagaios cinzentos e as amazonas geralmente vivem 50 anos. No caso de conures, a expectativa de vida média é de cerca de 30 anos.

Embora seja uma longa expectativa de vida, 70% não atingem a expectativa de vida máxima, devido à poluição do ambiente das cidades, uma dieta pobre ou sofrer acidentes ao andar solto na casa, como morder um fio, atingido com o vidro de uma janela…

O papagaio como animal de estimação, ele é bom?

Os papagaios são animais de estimação humanos há muitos anos. Mas, para a grande pergunta se um papagaio é melhor do que qualquer outro animal, a resposta seria sim.

É claro que os papagaios têm seu próprio caráter e às vezes podem ser muito agressivos se sentirem que é necessário.

Além disso, eles podem desenvolver preferências para algumas pessoas, o que pode levar a desenvolver um problema comportamental que pode levá-lo a agir de uma forma ou de outra a fim de chamar a atenção.

No caso de ter um papagaio para toda a família, devemos ter muito cuidado com apenas um único membro da família.

Tenha também em mente que um papagaio não é um animal projetado para crianças pequenas, pois elas não têm conhecimentos e habilidades suficientes para cuidar dele. O papagaio deve estar sempre a cargo de um adulto que possa atender às suas necessidades.

Papagaio masculino ou feminino, como saber?

Quando você quer ter um papagaio em casa, é normal querer saber se ele é macho ou papagaio fêmea, especialmente se você estiver pensando em criar papagaios.

Como saber se o papagaio é fêmea? Normalmente as papagaios fêmeas são um pouco mais agressivas do que os papagaios, portanto, observando o comportamento disso seria fácil distingui-las.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Mas se isto não for suficiente, você pode observar o tamanho e a cor de suas penas. Quando são adultos, os machos são maiores do que as fêmeas, especialmente a cabeça, quanto às cores, têm tons mais garridos e vistosos do que os das fêmeas.

Claro que o caminho mais fácil seria através da pelve do papagaio, já que as fêmeas têm os ossos pélvicos mais afastados para que possam depositar seus ovos.

Escolhendo o lugar certo para sua gaiola para papagaio

Antes de pensar em comprar um papagaio, primeiro é preciso saber se você tem um lugar adequado na casa onde colocar sua gaiola papagaio. Muitos proprietários novatos cometem um grande erro ao colocar mal sua gaiola de papagaio, e é por isso que vivem muito menos tempo.

A primeira coisa a considerar é a altura. A gaiola para papagaio deve ser colocada aproximadamente à mesma altura que os olhos do proprietário.

Por quê? Se a gaiola for muito alta, o pássaro olhará para baixo quando for ao encontro de seu dono, o que o fará pensar que tem a vantagem na casa e não tolerará ser perturbado ou «punido» quando fizer algo que seu dono não goste.

Por outro lado, se ele está sob os olhos, ele pode entender que é ele quem é dominado e tem que obedecer.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Por esta razão, é melhor que esteja em um ponto semelhante à altura dos olhos, para que se sinta igual a seu novo dono. Se o papagaio for muito agressivo ou dominante, a gaiola pode ser abaixada para que ele entenda que não está no controle.

Entretanto, tenha cuidado se você tiver outros animais em casa, uma vez que é um animal muito esquelético, portanto a gaiola também deve estar na altura necessária à qual cães ou gatos não podem alcançar.

A gaiola também deve estar localizada em um local onde receba a luz solar certa e necessária. Não é bom que ele lhe dê diretamente, exceto por uma hora por dia, no máximo, deve ser também um lugar onde não recebe correntes de ar fortes durante o inverno e pode ficar quieto, longe de barulho.

Portanto, lugares como varandas ou cozinhas são totalmente proibidos. A sala de estar pode ser um bom lugar, especialmente porque eles gostam de assistir TV e podem aprender algumas palavras vendo os programas.

Além disso, quando ganham confiança com a família, os papagaios consideram os humanos da casa como seu «rebanho», e esta tem que estar localizada perto de onde ocorre a maior parte da atividade familiar.

Escolhendo uma gaiola para o papagaio, o que você precisa saber?

Agora que você sabe que tem um bom lugar para colocar seu papagaio, agora é hora de comprar a gaiola, o que é importante que ela seja suficientemente grande para o papagaio.

Caso você vá comprar um papagaio pequeno, uma gaiola de 40x37x45 centímetros se você vai ficar sozinho e 60x42x50 centímetros se você vai ficar aos pares.

Para um papagaio verde de tamanho médio, uma gaiola de 70x60x80 centímetros será suficiente e 100x80x120 centímetros se ela for acompanhada. Finalmente, para um papagaio grande, a gaiola tem que ser de 90x80x100 centímetros se estiver sozinho e 120x100x150 centímetros no caso da escolha de dois papagaios.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Quanto à sua forma, é melhor se for retangular. Muitos acreditam que uma gaiola circular é o melhor para o papagaio, mas a verdade é que não gostam deste tipo de gaiolas, nem daquelas que têm a forma de uma «casa» porque não conseguem segurar as barras.

As barras não devem ter mais de 1 – 2 centímetros de separação entre elas, a fim de evitar que elas possam colocar suas cabeças entre elas e ficar presas.

Poleiro para papagaio

E o que o papagaio tem que ter em sua gaiola? Embora muitas gaiolas já venham equipadas com brinquedos para papagaio, é melhor removê-las todas e instalar alguns galhos de árvores frescas para que elas mastiguem ou se empoleirem.

Um par de poleiros de madeira os ajudará a lixar as unhas, assim como outros objetos como um brinquedo de pelúcia para fixar as penas, um sino, uma corda… De vez em quando você terá que trocar os brinquedos para que o papagaio não se entedie de ter sempre o mesmo brinquedo.

Limpeza da gaiola, que produtos usar?

Pelo menos algumas vezes por semana você deve limpar o chão da gaiola para remover fezes e restos de comida deixados pelo papagaio, e três vezes por mês limpá-lo completamente. No entanto, que tipo de produtos devem ser utilizados?

  • Branqueamento: É um dos desinfetantes mais comuns e o mais eficaz para matar todos os tipos de vírus, fungos e bactérias. Ideal para limpar o piso da gaiola onde as fezes caem.

Se, tendo em mente que quando misturado com água seu poder desinfetante é reduzido até 200 vezes, então é melhor aplicá-lo diretamente, deixe a gaiola secar bem por algumas horas enquanto o papagaio se move pela casa.

  • Fenóis: Você pode não usá-los muito, mas os desinfetantes à base de fenol também são muito bons para matar bactérias. Eles são especialmente bons para a limpeza das paredes e do piso da gaiola.
  • Amônia: Outro produto muito bom para matar vírus e bactérias que podem estar se reproduzindo. Depois de limpar o poço da gaiola é quando você tem que aplicá-la e depois removê-la com um pouco de água e deixar a gaiola secar à temperatura ambiente, para ter certeza de que você terminou com todas as bactérias.
  • Formaldeído: Um dos melhores desinfetantes que existem para limpar gaiolas de papagaio. Naturalmente, a aplicação tem que ser feita em uma sala bem ventilada, com os papagaios fora da gaiola. Quando a gaiola estiver limpa, deixe-a secar por cerca de duas ou três horas.

Papagaio falando

Para realizar uma desinfecção adequada, você pode seguir estes simples passos:

  • Limpe e remova toda a sujeira da gaiola, lave-a com água limpa e depois desinfecte-a com o desinfetante de sua escolha.
  • Aplique o desinfetante em toda a gaiola, a fim de deixá-lo bem limpo de vírus e bactérias.
  • O papagaio deve estar fora da sala onde a limpeza está sendo feita.
  • A sala em que está sendo limpa deve ser bem ventilada e luvas de borracha devem ser usadas para evitar perigo.
  • Após cerca de 15 minutos após a aplicação do desinfetante, enxágüe com água e deixe secar à temperatura ambiente antes de colocar o papagaio de volta no interior.
  • Seja amigo do papagaio, o que fazer?
  • Quando o papagaio chega em casa é normal que ele se sinta um pouco intimidado.
  • Eles estão fechados em uma jaula em uma área desconhecida e no início podem parecer muito temerosos, o que os leva a serem agressivos.

Então o que você pode fazer para se unir ao papagaio?

  • Aversão ao olhar: Quando você olha diretamente para um pássaro, ele se sente ameaçado. Portanto, quando você vai fazer o primeiro contato, você deve desviar seu olhar quando o pássaro estiver olhando para você. Uma vez que o pássaro está olhando diretamente para seu dono, é quando você também deve olhar diretamente para ele.
  • Torne-se uma estátua: Há momentos em que o papagaio fica parado quando seu dono está olhando para ele. Nesse caso, você também deve ser uma estátua e ficar imóvel, por mais tempo do que isso.
  • Piscando: Os papagaios não piscam quando estão assustados. Portanto, o proprietário deve enviar uma série de mensagens para ganhar sua confiança. Se o papagaio parece assustado quando você olha para ele, você deve piscar os olhos. Se o papagaio piscar de volta, ele mostra confiança.

Tirar o papagaio da gaiola, é perigoso?

A verdade é que muitos proprietários mantêm seus papagaios em liberdade ao redor da casa, portanto não é realmente perigoso. Entretanto, quando o papagaio verde está há muito tempo em sua jaula, ele pode ser perigoso.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Antes de tirá-lo da jaula, você tem que ter muita confiança com um dos membros da família. Junto com a linguagem corporal, uma das maneiras de ganhar sua confiança é alimentá-lo com sua mão, como com pombinhos e periquitos.

Ele pode morder no início, por isso é aconselhável alimentá-lo com luvas. Se atacar, não retire sua mão, pois isso fará com que ela se sinta no controle. Você também deve ficar de olho nele, pois ele pode aprender a sair da gaiola sozinho.

Uma vez que você tenha sua confiança, o papagaio comerá de sua mão e até se empoleirará em seu braço. Uma vez conseguido isto, você pode tirá-lo da jaula ou deixá-lo sair por si só.

A princípio, você deve deixá-lo solto na sala onde está sua jaula, com as janelas fechadas, para que ele possa esticar suas asas e conhecer seu entorno. Mais tarde, você pode deixá-lo explorar o resto da casa.

Para levá-lo de volta à sua jaula, você pode usar sua comida favorita como isca e quando ele tiver fome, ele mesmo voltará para casa. Você deve evitar alimentá-lo fora da gaiola, pois assim ele pode não querer voltar para sua gaiola.

Que doenças um papagaio pode ter?

Como outros animais de estimação, o papagaio não está isento de doenças. É verdade que, se for bem cuidado, não precisa sofrer com isso, mas você nunca deve baixar a guarda. As mais comuns são:

  • Plumagem anômala: Os papagaios molestam sua plumagem, mas não têm uma estação específica para fazê-lo como outras aves. Normalmente as penas caem sozinhas para dar lugar às novas, mas você mesmo pode notar que está arrancando as penas, deixando partes de seu corpo nuas ou com feridas. Se você notar este comportamento, deve levá-lo ao veterinário o mais rápido possível.
  • Muda francesa: A muda francesa é uma doença causada por um agente patogênico chamado Poliomavírus. Ela é transmitida dos pais aos descendentes através da regurgitação dos alimentos e às vezes leva à morte do animal. O papagaio perde as penas das asas e da cauda, tem edema sob a pele e distensão abdominal.
  • Pneumonia: Se a gaiola do papagaio não estiver bem colocada e o papagaio for frequentemente exposto a fortes correntes de ar, ele sofrerá de pneumonia, o que levará a olhos escorrendo, nariz escorrendo e respiração ruidosa.
  • Parasitas: Que o papagaio seja protegido atrás das grades não significa que esteja isento de ser atacado por parasitas, tanto internos quanto externos. Os externos podem ser os ácaros do ambiente ou mesmo piolhos, o que causará inquietação e nervosismo ao animal, com queda de penas e não deixará de coçar. Neste caso, é necessário desparasitá-los periodicamente. No caso de serem internos, é preciso conversar rapidamente com o veterinário para saber qual o tratamento a ser seguido.
  • Colibacilose: É uma doença causada pela bactéria Escherichia Coli, que é transmitida pelo contato direto com uma ave infectada. É a principal causa de morte dessas aves. Entre os diferentes sintomas, o papagaio estará cansado, desanimado, perderá o apetite e ficará muito inquieto. O animal doente deve ser isolado e manter uma higiene completa de sua gaiola, trocando diariamente o comedouro e o bebedouro, além de uma série de antibióticos para combater a infecção.
  • Coccidiose: Esta doença é causada por uma infestação de parasitas internos conhecidos como coccidioses. Estes podem entrar no organismo do animal através da ingestão de água ou alimento contaminado. Entre os diferentes sintomas, o papagaio sofrerá de diarréia, que pode ser aguada e acompanhada de sangue, e se sentirá desanimado e cansado.
  • Salmonelose: É causada pela bactéria Salmonella Typhimutium, que entra no organismo através de água ou alimentos contaminados. A ave terá inflamação, diarréia com muito mau cheiro e lesões em vários de seus órgãos. É necessário ir rapidamente ao veterinário para que ele possa prescrever o tratamento para sua cura.

Alimentando o papagaio, o que dar-lhe?

Como regra geral, a dieta ideal para um papagaio filhote é composta de vegetais e frutas como o componente principal, juntamente com alguns alimentos secos.

As frutas devem ser alimentadas com base em seu teor de sacarose e glicose.

Aquelas que são ricas em sacarose, tais como bananas, pêssegos ou melões, não devem ser comidas mais de duas ou três vezes por semana, especialmente as bananas que também são muito ricas em glicose, sendo muito mais altas do que outros tipos de frutas.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Tenha também muito cuidado com mangas, cerejas e uvas por causa de seu teor de glicose. Quando você lhe dá frutas, você tem que lhe dar um pequeno sortimento, porque se você lhe der uma peça de cada vez, é possível que ele acabe odiando algumas delas.

Os vegetais constituem uma grande parte da dieta desses animais. As verduras verdes que podem comer são espinafre, brócolis, acelga ou endívias.

Você pode dar alface, mas não com freqüência, pois ela pode causar diarréia. Se você optar pelas raízes, deve dar-lhes cenouras, alho ou rabanetes. Outros alimentos que podem ser dados são flores de alcachofra e couve-flor, tomate ou pimentão vermelho.

Embora frutas e vegetais sejam muito bons para a ave, ela também tem que comer alimentos secos para realizar uma dieta ideal.

Neste caso, você deve optar por uma ração de qualidade, dependendo do tamanho e da espécie do papagaio.

Além disso, dando em quantidades menores, você também pode dar outros alimentos como massas, legumes como grão-de-bico ou lentilhas, uma mistura de sementes, cereais como arroz ou flocos de aveia, tiras de frango cozido ou peixe (não muito frequentemente), pão integral sem sal, batata cozida, ovo cozido ou biscoitos caseiros que não têm gordura animal.

Como você pode ver, um papagaio come quase tudo. Entretanto, há uma série de alimentos que são totalmente proibidos para estes animais, tais como doces por seu alto teor de açúcar industrial, alimentos salgados, abacate (é mortal para o papagaio), café, salsa, leite (a menos que seja fermentado), ou abóbora e batata sem ferver. Todos esses alimentos devem ser mantidos fora do alcance do papagaio quando este estiver fora da gaiola.

Criação de papagaios, como fazer?

Os papagaios como tais vivem com humanos há mais de 15.000 anos, sendo um dos mais antigos animais de companhia junto com cães e gatos.

Cuidar deles pode ser fácil, mas o que dizer de criá-los? Neste caso, você tem que colocar um pouco mais para que eles se reproduzam.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Nesses casos, é preciso ter mais cuidado, levando em conta uma série de fatores muito importantes.

Para começar, no momento da reprodução a fêmea e o macho devem estar quietos e se sentir seguros, portanto, se você tiver uma gaiola com pássaros suficientes, é melhor passá-los para outro módulo para que ninguém os incomode.

Além disso, eles devem ser bem alimentados, para que os ovos recebam os nutrientes necessários.

O ninho do papagaio deve ser colocado em um lugar alto. Você pode comprar um em uma loja especializada ou dar aos papagaios o material necessário para que eles possam fabricá-lo.

Uma vez que o tenham, a fêmea se colocará em cima do ninho e poderá depositar entre 3 e 6 ovos. Após uma média de 23 dias, às vezes 25, os filhote de papagaio eclodem sem poder se defender. Portanto, é preciso fornecer aos pais tudo o que eles possam precisar para cuidar deles.

Quando o pintinho tem um mês e meio de idade é quando deixa o ninho, e depois de dois meses começam a ser mais independentes. Nesta idade é quando se tem que separar o papagaio de seus pais para começar a se defender, por isso é aconselhável ter um módulo na gaiola para a prole.

Ensinar um papagaio a falar, o que você deve dizer a ele?

A razão pela qual muitos acabam adquirindo um de um criadouro de papagaio como animal de estimação é porque acham engraçado ouvi-lo falar. E não é de se admirar, pois o louro papagaio têm uma grande capacidade de assimilar sons e depois repeti-los. No entanto, não é uma tarefa nada simples.

Para começar, é preciso saber que os homens são melhores conversadores do que as mulheres, sendo sua capacidade de cantar e vocalizar melhor. Para que ele aprenda a falar, ele tem que estar em perfeita saúde e ser um jovem exemplar.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Pronto para ensinar um papagaio a falar?

Bem, para fazer isto você primeiro tem que ganhar sua confiança. Isto pode ser conseguido dando-lhe um lugar onde possa jogar e ter muitas atividades para fazer, enquanto está em contato com seu proprietário.

Mas é preciso ser paciente, pois pode demorar um pouco para que ele entre em contato com seu proprietário. Se você tentar tirá-lo da jaula, o que o ajudará a ganhar confiança com você, é possível que a primeira vez que ele tentar escapar, neste caso, em nenhuma circunstância você deve tentar capturá-lo ou gritar com ele para trazê-lo de volta à jaula.

É melhor deixá-lo à sua própria sorte, fechando portas e janelas, para que ele possa explorar o ambiente e, quando se cansar, voltará para a gaiola.

Uma vez que ele tenha ganho sua confiança, é hora de começar a ensiná-lo a falar. Para isso, a melhor hora do dia é pela manhã ou ao entardecer.

As primeiras palavras para ensiná-lo são algumas que são fáceis para ele se relacionar com uma ação, como «gostoso» quando você lhe dá um presente, «eu te amo» quando você acaricia seu pescoço ou «bom dia» quando o sol nasce.

Para fazer isso, é preciso repetir a palavra junto com a ação para que ela fique na mente dele todos os dias, o que pode levar uma semana ou um mês.

Por exemplo, se você quiser que ele diga «delicioso» depois de comer, enquanto você lhe dá seu prato favorito, repita «delicioso» por 5 – 10 minutos, e assim por diante, todos os dias até que ele o repita.

Reino das aves Papagaios, tipos de papagaios

Caso o papagaio louro seja muito fácil de aprender, você pode ensinar-lhe algumas palavras mais complicadas, como o nome de seus petiscos favoritos ou o nome de um dos membros da família.

Além disso, você pode ensiná-lo a obedecer a uma ordem, como «levantar» para sentar na mão ou «dormir» quando for hora de ir para a cama para que ele volte sozinho para sua gaiola.

Não parece tão difícil, não é? Entretanto, há muitos filhote de papagaio e papagaios grandes que nunca aprendem a falar, embora sejam capazes de imitar alguns sons que ouvem através da TV, assim como a campainha ou o telefone, mesmo o apito de um microondas ou o canto de outros pássaros. Nesses casos, você pode ensinar-lhes alguma melodia.

O mais importante para o falante aprender é a perseverança e não desistir no primeiro dia. Você tem que trabalhar um pouco com ele todos os dias, deixando-lhe tempo para descansar entre as aulas para que ele não se sinta estressado.

🐦 Sonhar com papagaio verde

Este sonho é a representação de que alguém quer se aproximar de você para lhe dar uma mensagem sobre outra pessoa. Portanto, se você sentir que alguém quer falar com você, faça o melhor possível para levar essa mensagem até você.

Entretanto, se você vir o papagaio verde voando livremente, significa que você está tendo lembranças de sua infância.